(por: José Rodolpho Assenço)

                        A Lagoa de Santo Antônio é um arraial, que persiste até os dias de hoje, distrito de Paracatu, Minas Gerais a aproximadamente quinze quilômetros no sentido de Unaí, seu acesso é simples, e nenhuma placa registra na rodovia estadual sua existência.

lagoa_de_santo_antonio

lagoa_de_santo_antonio

                        Sua origem remonta o ano de 1737, devido ao crescimento das minas anexas ao Morro do Ouro e recebeu a primeira denominação de Arraial de Pituba. 

casa_em_lagoa_de_santo_antonio

casa_em_lagoa_de_santo_antonio

                     A localidade cresceu e floresceu no ciclo do ouro chegando a ter algumas igrejas e mais de cem casas com um milhar de habitantes.  Comenta-se que foi o mais prospero arraial de toda a região chegando a ter em algum intervalo de tempo importância superior a de Paracatu.

casarão

casarão

                        Hoje porém não mais se observa nenhuma importância, nem uma grande população, presumimos que não ultrapasse os mil habitantes, o mesmo quando do ciclo do ouro. 

                        Logo que entramos no arraial procuramos pela Igreja Matriz na extremidade dessa localidade, estacionamos e visitamos o recinto cercado por um muro de alvenaria com uma portaria em madeira que lembra algum cercado de fazenda.

entrada_da_igreja

entrada_da_igreja

                        Nessa área a Igreja fica ao fundo ladeada por um cemitério.

Igreja_e_cemitério

Igreja_e_cemitério

A pequena igreja provavelmente não seja a que é citada na historia da localidade, devido as suas proporções e simplicidade, seu tipo de construção apresenta características da segunda metade do século XIX.

detalhes_da_igreja_de_santo_antonio

detalhes_da_igreja_de_santo_antonio

No cemitério não observei nenhum registro do período colonial ou imperial o que sugere que tenha existido um outro e que provavelmente não mais exista.

cemiterio_de_lagoa_de_santo_antonio

cemiterio_de_lagoa_de_santo_antonio

                        Prosseguimos pela vila em ruas asfaltadas porém com traçados sinuosos e confusos, retratando as vias originais, passamos por alguns casarões e estacionamos em um onde a jovem local informou ser a casa de propriedade do Ex-Prefeito nosso amigo.

casa_em_lagoa_de_santo_antonio

casa_em_lagoa_de_santo_antonio

Informaram-nos para não perdermos a melhor galinhada de Minas Gerais o que na verdade aconteceu, não tivemos tempo necessário para degustar esse almoço, pois prosseguimos viagem.  Estava em companhia do fotografo Cleber Medeiros e fazíamos uma rápida peregrinação pelo sertão mineiro.

Outrossim, era uma tarde de verão, e o sol estava abrasador, tudo isso contribuiu para que não ficássemos para a galinhada.

deposito

deposito

                        Visitamos ainda algumas outras ruas e casas coloniais remanescentes desse antigo arraial.